Som do Silêncio – Uma viagem dos Sentidos

Som do Silêncio – Uma viagem dos Sentidos

Som do Silêncio (Sound of Metal), filme dirigido pelo estreante Darius Marder, nos mostra a história de uma baterista de Heavy Metal e sua namorada em uma turnê de sua banda e de repente, o rapaz perde a sua audição. Acompanhe nosso review do filme.

Em Som do Silêncio, o baterista interpretado por (Riz Ahmed) é acometido de uma surdez que vai aumentando aos poucos. Essa mudança drástica acarreta em muita tensão e angústia na vida do baterista, que é atormentado lentamente pelo silêncio. Ao descobrir que a sua condição é permanente, ele se vê prestes a perder as duas coisas que mais ama: a namorada e a música. Mas isto pode mudar quando ele descobre um lugar, um retiro, e uma escola para surdos.

Tanto ator quando diretor souberam trabalhar para passar a sensação de falta e som, e sentimos o mesmo que o personagem, medo, angustia, raiva, desespero. Ao chegar no retiro é ofertado ao personagem aprender, para ter paciência e nos somos convidados para essa jornada sensorial também, jornada esse de pura estranheza.

Aprender a apreciar o silêncio num mundo barulhento se mostra uma dádiva. Mas, como conseguir isso quando o que se têm como o seu mundo está lá fora? Mas ao se abrir um novo mundo, um leque de opções e um lugar no novo mundo se abre. Como deixar pra trás tudo? Não é nada fácil.

O filme perde um pouco do direcionamento em seu terceiro ato, mas nos brinda com um final satisfatório, e uma lição que todos deveríamos aprender: silenciar a mente.

Som do Silêncio

O filme concorre a 6 categorias no Oscar: melhor Filme, Melhor ator (Riz Ahmed), Melhor Ator Coadjuvante (Paul Raci), Melhor Roteiro Original, Melhor Som e Melhor Edição.

Fecho o Filme com nota 6/10.

Andrei Sorren

Andrei Sorren

Humilde fã e amante da nona, sétima e várias outras artes! E nada na vida é melhor que ler uma boa HQ comendo pizza...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *