fbpx

JOKER (Coringa) – Crítica sem Spoilers

Acabamos de sair da pré-estreia de Joker (Coringa) e estamos ainda impactados! Não há muito o quer ser dito do filme sem entregar o enredo, mas vamos tentar elucidar alguns pontos SEM SPOILERS para vocês. Vale lembrar, que estas são nossas opiniões PESSOAIS sobre o filme. Talvez vocês não concordem, mas isso é normal. Cada pessoa reage de uma forma diferente. Faremos também, um Podcast sobre o filme. Vamos então, aos pontos:

Joker vale a pena?

Sim, vale e muito! O filme entrega um resultado de muito carinho com o personagem. Houve pesquisa, houve leitura do material encontrado nas HQ’s e houve, uma atuação impecável de Joaquin Phoenix fechando o pacote. Que atuação senhoras e senhores! Em nenhum momento, ele tentou ser qualquer versão cinematográfica do Coringa anterior, o que vemos no filme é a versão dele. E ela é incrivelmente boa e insana! Ficou maravilhoso!

O Filme é muito violento?

Se você é uma pessoa que nunca viu filmes como Apocalipse Now, Taxi Driver, O Poderoso Chefão e os Bons Companheiros, talvez fique impactado com uma cena ou outra de violência explícita e visceral… mas o filme não é nem de longe, violento como filmes do John Wick, por exemplo. O filme não é só sobre violência e um vilão famoso, o filme é sobre o impacto da sociedade e da vida real em uma pessoa.

O Filme é baseado em algum arco famoso dos quadrinhos?

Não. O que vocês irão ver, é uma versão totalmente nova do Coringa. Mesmo o filme tendo referências de algumas HQ’s famosas como A Piada Mortal e o Cavaleiro das Trevas, o que existe nada mais é do que apenas pequenas referências. Aqui, não é apenas um dia ruim que torna Arthur Fleck o vilão insano que é o Coringa mas sim, uma vida inteira de desgraças. Outra coisa muito bem adaptada, é a Gotham City caótica que sempre gostamos de ver. Está tudo um verdadeiro Caos!

Joker (Coringa) tem bons aspectos técnicos?

O Filme é como se fosse um diário de vida de Arthur Fleck. O Filme todo, você fica com ele. Sinceramente, são muito poucas as cenas em que ele não está presente e isto, favorece e muito a ambientação do Filme. A trilha sonora do filme é espetacular, pois ela é trabalhada totalmente com dinâmicas de volume, o que ajuda e muito na imersão. A Fotografia do filme é excelente e sempre os melhores ângulos de Joaquin Phoenix são mostrados. É capaz de concorrer ao Oscar de Fotografia com certeza!

Joker

Joker vai salvar a DC?

Embora seja um filme incrível e que não deve nada a Clássicos Cult de mesmo estilo como Taxi Driver, este filme claramente não tem a intenção de salvar o Universo Compartilhado da DC. Em primeiro lugar, ele já não faz parte disso e em segundo lugar, o que ele vai salvar é o bolso da Warner. Ele com certeza será um filme bem sucedido financeiramente, mas é um filme isolado do “cardápio”. Assim que mais pessoas assistirem o filme, vão se dar conta do que ele é de fato.

Este Coringa pode ser reutilizado?

Sim! E sinceramente espero que seja. Este é o tipo de atuação que foi feita de fã para fã e todos vão querer ver novamente. Além de ser um ótimo filme de origem, ele com certeza vai te fazer pensar em como este Coringa vai se sair contra o Cavaleiro das Trevas algum dia.

O Aspecto psicológico de Joker é realmente “perigoso”?

Em minha humilde opinião, esse tipo de informação antes do lançamento do filme é apenas falácia tendenciosa. Arthur Fleck é sim um homem perturbado e vai se descobrindo durante todo o filme. Vocês vão presenciar uma jornada de decadência de um homem que já começa o filme doente. Detalhe muito importante: Se vocês prestarem bem a atenção, vão pensar muito ao fazer paralelos com o mundo real. O que conseguiram com este filme, é mostrar que coisas ruins podem acontecer a qualquer um. Porém, a narrativa de que o filme seja “perigoso” ou “gatilho para atitudes violentas“, é completamente falsa e desonesta. Sites “Nerds” que veiculam tal informação, não estão preocupados com seus leitores/seguidores.

Joker

Bacana! E Cadê o Batman?

Antes de mais nada, saibam que o filme se passa antes do assassinato dos Wayne e começa sua Narrativa em meados de 1979. Ou seja, Bruce Wayne ainda é criança. Outra coisa importante, é que o filme é sobre um vilão. E provavelmente, um dos maiores de todos os tempos. Portanto, nenhum aspecto criminoso no filme é digno de admiração. Quando Arthur Fleck começa a se tornar o Vilão, o negócio fica realmente “criminoso“. É um filme que não exalta a vilania como um Esquadrão Suicida, por exemplo.

Conclusão

Espero que estes pontos ajudem a dar a vocês uma noção do que é o filme Joker (Coringa). Fora isso, fica muito difícil explicar sem dar qualquer tipo de Spoiler, portanto é melhor ficarmos por aqui. O que podemos dizer é: Vão assistir a este filme! Não é só pelo vilão, mas pelo o que o filme é. O Filme mostra muito mais do que é ser e existir, do que muitos outros filmes falharam em explicar. Ele além de tudo, é uma ótima experiência cinematográfica. Assistam o filme com suspensão da descrença e lembrem-se que é uma obra de ficção (Por mais que o mundo real seja bem deste jeito mesmo!). Portanto, divirtam-se ao assistir!

Joker
Avatar

Léo Palmieri

Pai, marido, nerd. Fã do Surfista Prateado e do Superman, juntou uma equipe de super-pessoas para trabalhar no projeto Crossover NERD com o intuito de divulgar o belíssimo mundo geek!

%d blogueiros gostam disto: